Desodorante Positiva: veja o que achei da versão de lavanda e melaleuca

O Desodorante Positiva é um dos produtos mais famosos da marca – sempre vejo pessoas que usam cosméticos naturais indicando. Então fiquei feliz de ter recebido ele para testar! Afinal, quem acompanha o blog (ou Instagram) sempre sabe que eu testo muito esse tipo de produto – comecei com o desodorante cristal e agora estou experimentando outros. Uso desodorantes naturais já há alguns meses.

Desodorante Positiva

Esse é um desodorante livre de alumínio e com óleos essenciais de lavandin e melaleuca orgânicos. Esses óleos, além da fragrância, têm ação bactericida e antifúngica. A fórmula tem também bicarbonato de sódio (ação clareadora), manteiga de cacau e de karitê, óleo de coco e de babaçu, além de extrato de sálvia.

Esse é um produto indicado para todos os tipos de pele. Além disso, a embalagem é de papel impermeabilizado com ceras vegetais. É livre de substâncias como corantes, conservantes sintéticos, liberadores de formol, óleo mineral, derivados de petróleo, silicones, triclosan, parabenos, alumínio e álcool etílico.

O que achei dele?

Como comentei lá em cima, eu já uso desodorantes sem alumínio (como esse da Positiva) há algum tempo. Mas se esse não é seu caso, é possível que você precise de um tempinho de adaptação ao trocar os antitranspirantes pelos desodorantes naturais. Esse período varia de pessoa para pessoa, mas pode levar até uns 15 dias em média. Isso acontece porque seu corpo está se readaptando. O antitranspirante evita que você transpire – já os desodorantes apenas evitam o mau odor. Digo isso para que você não desista ou ache que o produto é ruim no primeiro dia.

Voltando ao produto, eu adorei a fragrância (que é de lavanda e melaleuca mesmo por conta dos óleos essenciais). A textura do desodorante é como se fosse uma cera – é mais consistente mesmo, mas desliza na pele. Assim que aplicado, a pele fica com um toque hidratante, mas não pegajoso. Não tem aquela sensação “molhada”, sabe? Além disso, ele fica transparente na pele, então não tive problemas com roupas manchadas.

A embalagem dele é de papel – isso é bom porque ela é toda compostável. Mas ela vai manchando aos poucos, a medida que você vai usando, sabe? Não se desfez nem nada, mas não é a mais resistente.

E para terminar: funciona ou não funciona para evitar mau odor? Pra mim, sim! Em dias em que só trabalhei em casa, por exemplo, aplico duas vezes ao dia (à noite após o banho e depois novamente de manhã) e foi tudo ok. Se eu vou sair de casa, eu dou uma reforçada – eu faço quase tudo a pé, então costumo andar bastante. E foi tudo ok para mim também.

Então, de forma geral, gostei bastante, sim!

Composição

Preço e onde comprar

Quem me enviou o desodorante Positiva para testar foi a Verdê Cosméticos, uma loja online que vende apenas marcas veganas. Então se você está em busca de produtos sem ingredientes de origem animal, lá é o lugar! Esse produto custa R$ 39.

O post Desodorante Positiva: veja o que achei da versão de lavanda e melaleuca apareceu primeiro em Coisas De Diva – Resenhas sinceras e experiências da mulher adulta!.

Deixe uma resposta