Chinelo nuvem: é tudo isso mesmo? Opinião sincera!

Há alguns meses não se fala de outro produto internet afora: o tal chinelo nuvem tá na boca do povo – e no pé de um monte de influenciadores digitais. E, por mais que ele seja fruto de um modismo que inevitavelmente vai passar, entrega algo a mais: conforto. Afinal, nesse quase um ano e meio em casa (pra quem pôde ficar), calçado bom é aquele que deixa você livre e é gostoso de pisar, não é? Vem comigo saber mais a respeito, com minha opinião sincera!

O que é chinelo nuvem?

Chinelo nuvem foi o jeito que o nosso português encontrou de definir o que em inglês é “pillow slide” – na tradução literal, “chinelo travesseiro”. O nome já diz tudo, né? É um calçado mega confortável e que, antes de ser descoberto pelos cansados millennials e por uma geração Z que adora tendências, podia ser encontrado em lojas de produtos ortopédicos.

Do que ele é feito?

O material costuma ser EVA. Trata-se de um polímero emborrachado, flexível e à prova d’água. Ele é mais leve do que os calçados de plástico que costumamos ver. Em comparação com um slide que tive da Melissa certa feita, CARAMBA, é uma nuvem mesmo, porque aquilo pesava toneladas, hahahaha!

Por que é tão feio?

Quer dizer, pode ser que alguém ache bonito, vai saber. Eu acho que é um trambolho, mas um trambolho peso pena, o que compensa. Creio eu que o design simples e bem mais voltado pra funcionalidade caiu no gosto das pessoas que tem aquele olho pra o que eu chamo de “ugly shoes”. A parte boa é que não é bege, pelo menos! hahahaha Tem em várias cores.

E vale a pena?

Sim. De verdade mesmo! Como disse, é leve e bem acolchoado, digamos assim. O amortecimento é excelente e, aqui em casa, onde tenho chão de taco, não faço mais barulho ao caminhar – meu vizinho de baixo deve estar me amando. Fora que esse modelo slide é perfeito pra usar com meia no inverno ou sem nada no verão.

Pode molhar ou usar na rua?

Olha, eu não experimentei nenhum dos dois, mas acredito que sim! Talvez o EVA se acabe mais rápido que o plástico ou borracha pelo atrito constante. Tenho a impressão de que é um pouco mais frágil. E molhar creio que é tranquilo, já que o EVA é à prova d’água (eu ainda não lavei o meu porque é novinho).

Chinelo nuvem: onde comprar?

Vish, tem aos montes pra vender online! E, honestamente, olhando esse modelo em específico, me parece tudo igual – tipo made in China em larga escala. Eu comprei o meu numa loja online chamada Pé de Algodão porque não quis esperar compra internacional, tava ansiosa. Porém, se fosse comprar um segundo par, não seria lá, já que a encomenda demorou 3 semanas pra chegar e, pelo que entendi do rastreio, o chinelo vem de fora do mesmo jeito (palhaçada). Não é um estoque local pra envio rápido, sabe?

Você encontra aos montes no AliExpress, se quiser fazer compra internacional. O valor fica mais atrativo também.

E a numeração?

Ela é bem confusa mesmo. Eu calço 39 e na hora de olhar o que tava disponível rolavam duas opções: 38/39 e 40/41. Fiquei com a segunda porque geralmente a primeira não me serve. Acertei, porque deu bem certinho o chinelo! Nesse site que comprei, tem a opção também de medir o pé e usar a tabela deles. O meu deu 26 cm (SOS, que pé enorme!), o que correspondeu ao número 42/43, só que fiquei com medinho de receber uma LANCHA. Minha dica é ficar atenta ao esquema de numeração de cada site!

Gostou das informações sobre o tal chinelo nuvem? Espero que sim!

O post Chinelo nuvem: é tudo isso mesmo? Opinião sincera! apareceu primeiro em Coisas De Diva – Resenhas sinceras e experiências da mulher adulta!.

Deixe uma resposta