Sem desculpas! Veja dicas para ter tempo para treinar – em Treino sob medida

Costuma colocar na “falta de tempo” a culpa por não treinar? Então, veja estas dicas práticas para trocar as desculpas por tempo de atividade na rotina!

Texto Luciana Hruby | Adaptação Ana Paula Ferreira



A falta de tempo pode ser compensada com o aumento

da intensidade do treino / Foto Shutterstock

Você deixou de treinar por falta de tempo? Pois saiba que isso não é mais uma desculpa! “A semana de todo mundo tem exatos 10.080 minutos. Separar apenas 30, três ou quatro vezes por semana, para cuidar do corpo e da saúde não é tão difícil assim – basta organização”, desafia Gustavo Berkhout, instrutor da Spin’n Soul, estúdio de bike indoor em São Paulo. Ele e os demais profissionais entrevistados dão ideias práticas para trocar as desculpas por tempo de atividade na rotina. 

– Se você viaja bastante a trabalho ou passa bastante tempo na rua, mantenha uma bolsa com tênis e roupa de ginástica no carro ou no escritório, o que facilita aproveitar aquele tempo que sobra no fim do dia para se exercitar.

– Acrescente movimento nas suas atividades do dia a dia. Vale ir a pé ao supermercado, alongar por dez minutos durante o expediente, escolher um ou dois dias na semana para ir de bicicleta ao trabalho, descer do ônibus um ponto antes e caminhar pelo restante do percurso e até trocar o elevador pelas escadas. 

– Estabeleça uma meta de treino que faça sentido para você – pode ser emagrecer, aliviar a ansiedade e o estresse do trabalho, evitar ir direto do trabalho para casa todo dia à noite – e uma frequência que você pode cumprir. “Dizem que o ideal é treinar cinco vezes por semana, mas você não precisa desistir se não consegue seguir essa rotina. Se só consegue encaixar dois treinos por semana na agenda, tudo bem, desde que essa frequência seja regular”, comenta Cacá Ferreira, educador físico e gerente técnico corporativo da Cia Athletica.

– Escolha um local para malhar perto de casa ou do trabalho. Assim, o trânsito, a chuva e o dia corrido têm menos chance de virarem obstáculos. 

– A falta de tempo pode ser compensada com o aumento da intensidade do treino. “Em vez de caminhar por uma hora em ritmo leve, reserve 30 minutos para andar entre 70 e 80% da sua frequência cardíaca máxima”, indica Vinicius Concon, educador físico da Bodytech Campinas. Ou faça treino intervalado: intercale dois minutos acima de 80% e três minutos abaixo de 60%, por cinco séries. Pode parecer pouco, alternar períodos de esforço intenso e reduzido é mais eficiente para o condicionamento do que treinar em ritmo contínuo por mais tempo.


Quer conferir mais dicas de treino? Então, corra para as bancas ou garanta a sua Corpo a Corpo aqui!

O artigo Sem desculpas! Veja dicas para ter tempo para treinar – em Treino sob medida
foi originalmente publicado em http://corpoacorpo.uol.com.br/fitness/fitness/treino-sob-medida/sem-desculpas-veja-dicas-para-ter-tempo-para-treinar/11147

Deixe uma resposta