Saiba quando a cólica muito intensa pode significar um problema maior – em Mulher de Corpo

Cólicas muito fortes durante o período menstrual podem sinalizar alguns problemas mais sérios de saúde. Saiba quais são algumas possíveis causas da dor excessiva e quando é a hora de procurar um profissional!

Texto Natasha Franco | Edição Isabela Leal | Foto Getty Image | Adaptação web Ana Paula Ferreira

É comum todo mês nos depararmos com aquele incômodo ou até uma dor um pouco mais forte, porém suportável, causada pela cólica. Contudo, de acordo com a ginecologista Cintia Pereira, uma dor muito intensa pode sinalizar problemas mais sérios e sugere a procura imediata de um especialista, para que ele possa investigar a origem.

Confira abaixo as possíveis causas da dor excessiva:

Endometriose: é uma doença que leva à proliferação do endométrio tanto para a musculatura uterina quanto para outros locais fora do útero [região pélvica, ovários, intestino, reto, bexiga e peritônio (membrana que reveste o abdome)], causando dores, menstruação retrógrada e até problemas de imunidade.


Miomas uterinos: eles são tumores benignos que crescem no útero e são classificados conforme o local em que crescem, podendo resultar em problemas como a infertilidade. Há maiores chances de aumentar a dor, mas principalmente nos casos em que são grandes, levando ao aumento considerável do volume uterino.

Infecções do trato vaginal: essa região é constituída pela sucessão de cavidades (tubas de Falópio, cavidade uterina, endocérvice e vagina). Quando há uma doença inflamatória pélvica, um quadro infeccioso causado por uma bactéria que atinge essa região, ela causa dores, entre outros problemas para a saúde.

Quer conferir mais sobre saúde? Então, corra para as bancas ou garanta a sua Corpo a Corpo aqui!

O artigo Saiba quando a cólica muito intensa pode significar um problema maior – em Mulher de Corpo
foi originalmente publicado em http://corpoacorpo.uol.com.br/blogs/blogs/mulher-de-corpo/saiba-quando-a-colica-muito-intensa-pode-significar-um-problema-maior/12124

Deixe uma resposta