Poluição do ar em Nova Déli é tão prejudicial quanto fumar 50 cigarros por dia

Veja a matéria completa sobre Poluição do ar em Nova Déli é tão prejudicial quanto fumar 50 cigarros por dia e fique por dentro de como cuidar da sua saúde.


Poluição em Nova Déli atinge níveis muito altos; escolas foram fechadas e população orientada a ficar em casa

Reprodução/Flickr

Algumas zonas de Nova Déli, capital indiana, amanheceram cobertas de camadas densas de poluição atmosférica. Com pouca visibilidade das áreas da cidadade, a população foi orientada a ficar em casa, e a região foi considerada em “estado de emergência” pela Associação Médica Indiana (IMA).

Leia também: Vitamina B pode ajudar a diminuir riscos de doenças causadas pela poluição

A situação está tão crítica que, segundo um comunicado divulgado pelo diretor de cirurgia toráxica do hospital Sir Ganga Ram, em Nova Deli, Arvind Kumar, a neblina cinzenta de poluição
na atmosfera é tão prejudicial à saúde da população quanto “fumar 50 cigarros por dia”. “Estamos em estado de emergência médica, as escolas devem ser fechadas, precisamos reduzir estes níveis. Estamos reduzindo as nossas vidas”, disse Kumar.

O Governo atendeu ao pedido do médico – e de outras autoridades -, e decretou o fechamento de todas as instituições de ensino da capital. “A deterioração da qualidade do ar
não pode colocar em risco a saúde das crianças. Ordenamos o fechamento de todas as escolas de Nova Déli até domingo”, informou em sua conta no Twitter o vice-ministro chefe da região Manis Sisodia.

Malefícios

Os efeitos negativos provocados pelo manto cinza que atrapalha a visão da cidade estão afetando diretamente a saúde dos cidadãos. Nas redes sociais é possível ver comentários de indianos afirmando que estão com dificuldade para respirar, irritação nos olhos e garganta. Além disso, o ar poluído pode provocar náusea, fadiga, dores de cabela e palpitação. 

Segundo o Gabinete Central de Controle de Poluição, “até mesmo as pessoas saudáveis serão afetadas pela atmosfera, sendo as consequências ainda mais alarmantes para pessoas já suscetíveis e doentes, que serão gravemente atingidas”.

Leia também: Número de mortes decorrentes da poluição do ar deve crescer no Brasil, diz OMS

Medidores

Os medidores espalhados pela cidade chegaram a apontar os níveis de poluentes 30 vezes maior do que o limite estipulado pela Organização Mundial da Saúde (OMS). Pela manhã, o índice de qualidade do ar, que mede a concentração de partículas nocivas à saúde, atingiu a classificação “grave”, com 451 pontos em uma escala em que a leitura máxima é de 500 pontos. Marcadores acima de 100 pontos já apontam situação de insalubridade.

Os níveis de pequenas partículas capazes de adentrar aos pulmões chegaram a registrar até 700 microgramas por metro cúbico em algumas áreas da cidade, segundo dados meteorológicos locais.

Maior incidência no inverno

É na época mais fria do ano que os agricultores dos Estados vizinhos de Punjab e Haryana costumam queimar barro para limpar os campos. Essa prática é uma das principais responsáveis para os níveis de poluição aumentarem.

As baixas velocidades do vento, emissões de gases dos veículos, poeira dos locais em construção, queima de lixo e foguetes utilizados em festivais também contribuem para que a região enfrente esse problema há anos. Apesar de o governo ter traçado estratégias para combater este problema, os impactos da poluição do ar
ainda continuam colocando em risco a saúde da população.

Leia também: Pesquisa indica que poluição pode danificar cérebro e contribuir para Alzheimer

O artigo Poluição do ar em Nova Déli é tão prejudicial quanto fumar 50 cigarros por dia foi originalmente publicado em http://saude.ig.com.br/saude.ig.com.br/2017-11-08/poluicao-ar-nova-deli.html

Deixe uma resposta