Mulher coloca olho biônico e volta a enxergar 13 anos após perder a visão

Veja a matéria completa sobre Mulher coloca olho biônico e volta a enxergar 13 anos após perder a visão e fique por dentro de como cuidar da sua saúde.


Com problemas visuais desde a infância, a mulher perdeu a visão em 2004 e a recuperou após colocar um olho biônico

Creative Commons/Pixabay

Uma mulher pode voltar a enxergar depois de 13 anos após colocar um olho biônico na última quinta-feira (21). A russa Antonina Zakharchenko, moradora de Chelyabinsk, nos Urais, tinha a visão debilitada desde a infância, mas consegue ver o mundo novamente graças a um dispositivo de alta tecnologia.

Leia também: Após plástica no nariz, implante de silicone começa a “sair” do rosto de mulher

De acordo com o jornal Russia Beyond,
a mulher perdeu completamente a visão em 2004, quando tinha 37 anos, e não tinha esperanças de voltar a enxergar. Porém, tudo mudou quando um chip conhecido como “ olho biônico
” foi implantado em seus olhos na última semana.

Tal feito só foi possível por causa do dispositivo também chamado de “prótese visual”, que consiste no chip implantado no olho do paciente, óculos equipados com uma câmera e um espaço para o processamento da imagem que será enviada para o cérebro.

“Esta é uma tecnologia americana que está em desenvolvimento há mais de 10 anos”, explicou o cirurgião Khristo Takhchidi, diretor do centro médico onde o procedimento de Antonina aconteceu. O sistema ainda é experimental e está passando por ensaios clínicos: algumas dúzias de operações já aconteceram no mundo, e na Rússia
, duas foram realizadas.

Apesar de representar um grande avanço, a tecnologia não garante uma visão perfeita. “Esta operação é apenas o primeiro passo para entender como a prótese funciona”, disse o médico responsável pelos testes.“O chip é implantado na mácula, área central da retina, e o paciente consegue ver uma imagem pixelizada do mundo”.

Custos da operação

Os casos de Antonina e do outro paciente foram financiados por vários fundos privados, porém, a operação para conseguir o implante
está avaliada em 140 mil dólares, cerca de R$ 460 mil, um valor inacessível para a maioria da população.

Leia também: Cientistas criam adesivo de insulina que pode substituir injeções em diabéticos

Na Rússia, a vice-ministra da Saúde, Tatiana Iakovleva, deu uma boa notícia para as mais de 50 mil pessoas que perderam a visão. Ela disse que a operação para obter o olho biônico pode ser adicionada à lista de operações de alta tecnologia totalmente financiadas pelo estado.

O artigo Mulher coloca olho biônico e volta a enxergar 13 anos após perder a visão foi originalmente publicado em http://saude.ig.com.br/saude.ig.com.br/2017-12-28/olho-bionico.html

Deixe uma resposta