Jantar fit: anote 5 dicas para emagrecer a refeição noturna – em Dieta de emergência

Quem disse que só folhas podem entrar nessa refeição? A seguir, confira 5 dicas para você ter um jantar fit e saboroso sem esforço!

Texto Amábile Reis | Adaptação Ana Araujo



Saiba como fazer um jantar fit

Para fazer um jantar fit, escolha bem os ingredientes e nada de comer em frente à TV!

Foto: Pixabay

 


Esqueça a ideia ultrapassada de que, à noite, só podemos comer folhas de alface. A nutróloga Ana Luisa Vilela, de São Paulo, ensina a realizar um jantar fit – e delicioso – sem esforço.

 

1. Não coma assistindo televisão

Vai dizer que você nunca aproveitou para jantar durante o programa preferido ou vendo um bom filme? A prática, porém, está longe de ser aconselhável. “Ao comermos em frente à televisão, nos distraímos e ingerimos muito mais alimentos do que o necessário”, afirma Ana Luisa. Reserve um tempo para comer com calma e você sentirá a diferença na balança em pouco tempo.

2. Faça escolhas inteligentes

Na hora de montar o prato, pense bem em como irá compô-lo. “Fuja dos carboidratos simples, como pão e arroz branco. Eles liberam glicose para a corrente sanguínea de forma muito rápida e fazem o pâncreas produzir mais insulina a fim de diminuir a taxa glicêmica. O excedente, ou seja, o que não for metabolizado, é armazenado no corpo e pode se transformar em gordura”, explica. Na dúvida, escolha sempre alimentos integrais e não abra mão de verduras e legumes.

3. Não coma antes de dormir

Tenha em mente que é necessário jantar duas horas antes de dormir. “À noite, o metabolismo funciona mais devagar. Se você se deitar logo após a refeição, não terá tempo de gastar todas as calorias ingeridas e começará a acumular gordura”, diz Ana Luisa. Isso sem contar que, dependendo de qual alimento estiver no prato, a digestão pode ser tão difícil que você ganhará uma má noite de sono e, pior, acordará indisposta no dia seguinte. Ah, vale dizer que, antes de ir para a cama, é bom comer uma fruta ou tomar um caldo leve.

4. Substitua a sobremesa

Se você é do tipo que não dispensa uma guloseima, tente trocar o docinho por um iogurte. “O iogurte é rico em lactobacilos, grandes aliados na digestão. Eles têm o papel de selecionar o que deve ser armazenado no corpo e o que deve ser eliminado”, destaca. Para arrematar, adicione aveia – suas fibras darão uma mãozinha extra ao intestino.

5. Invista no chazinho

Termine o jantar com um chá bem gostoso e quentinho. “Assim como o iogurte, o chá também contribui para a boa digestão dos alimentos. Se for de camomila, melhor ainda, uma vez que a bebida apresenta propriedades relaxantes e garantirá um sono tranquilo”, ensina Ana Luisa.

Revista Corpo a Corpo | Ed. 328

Assine já a CORPO e garanta 6 meses grátis de outro título

O artigo Jantar fit: anote 5 dicas para emagrecer a refeição noturna – em Dieta de emergência
foi originalmente publicado em http://corpoacorpo.uol.com.br/dieta/dieta/dieta-de-emergencia/jantar-fit-anote-5-dicas-para-emagrecer-a-refeicao-noturna/10264

Deixe uma resposta