Gripe comum interna 84 pessoas por dia

Veja a matéria completa sobre Gripe comum interna 84
pessoas por dia e fique por dentro de como cuidar da sua saúde.


Futura Press

O novo boletim médico sobre o quadro clínico de Luis Fernando Veríssimo revela que o escritor foi vítima de “gripe comum”
, causada pelo vírus Influenza A. Apesar do “comum” que descreve o problema de saúde são em média 84 pessoas no Brasil que, todos os dias, acabam internadas por causa da doença

Leia mais sobre a saúde do escritor escritor
no Cultura

Saiba tudo sobre a gripe

Os dados foram levantados pelo iG Saúde
no banco de dados do Ministério da Saúde. Entre janeiro e agosto, foram computadas pelos hospitais públicos e privados, 19.974 internações.

De acordo com os especialistas, em pessoas com problemas cardíacos, diabetes
ou outras complicações metabólicas o vírus, espalhado pelo espirro, pelo toque e pelas mãos, pode comprometer o coração e provocar infecções generalizada.

Não à toa, a gripe “comum” permanece como uma das principais causas de morte da população brasileira. Em mulheres, a doença supera hipertensão, câncer de mama, câncer de pulmão e acidentes de transporte no ranking.

Veja quais doenças mais matam as mulheres

Segundo a Sociedade Brasileira de Pneumologia e Tisiologia (SBPT), assim que o organismo detecta a presença destes agentes infecciosos ele produz substâncias para tentar reagir contra a gripe. Essas substâncias são inflamatórias e nocivas ao sistema cardiovascular.

Entenda como a gripe afeta o coração

Por isso, os idosos e as pessoas que têm doenças crônicas são vacinados gratuitamente contra a gripe, já que representam o grupo mais vulnerável às infecções. As grávidas também podem receber as doses de graça já que – por causa das mudanças anatômicas – os pulmões das futuras mães acabam sobrecarregados.

Leia mais sobre vacina da gripe

O artigo Gripe comum interna 84
pessoas por dia foi originalmente publicado em http://saude.ig.com.br/minhasaude/2012-11-25/gripe-comum-interna-84-pessoas-por-dia.html

Deixe uma resposta