Faça você mesma: passo a passo de drenagem linfática para desinchar – em Cuidados com o corpo

Por Isabela Leal | Ilustrações Marcella Briotto | Adaptação web Ana Paula Ferreira

Com manobras mais lentas e com pressão de leve a moderada, a drenagem linfática – assim como seu nome sugere – drena as toxinas através das linfas (pequenas estruturas que captam “as sobras” que as células produzem durante seu metabolismo). “A celulite é uma inflamação causada por substâncias paradas que não entram nos capilares linfáticos. Essa estagnação leva ao acúmulo de gordura, que acaba pressionando a pele e formando nódulos, o que causa ondulações e repuxamento”, esclarece Silvia. “A circulação ativa, que vai para as linfas, favorece a nutrição dos tecidos, a descompressão das células e o metabolismo saudável de gordura”, explica Gisela. Maria Isabel pontua que em 10 sessões a melhora dos furinhos pode chegar a 70%: “Nos casos até grau 3, com depressões, mas sem retrações profundas”, diz ela. 

Confira abaixo o passo a passo para você fazer drenagem linfática em casa:

O artigo Faça você mesma: passo a passo de drenagem linfática para desinchar – em Cuidados com o corpo
foi originalmente publicado em http://corpoacorpo.uol.com.br/corpo-e-rosto/corpo-e-rosto/cuidados-com-o-corpo/faca-voce-mesma-passo-a-passo-de-drenagem-linfatica-para-desinchar/12123

Deixe uma resposta