Cabelo com frizz: principais causas e soluções para os fios arrepiados – em Tratamentos

Alguns cuidados simples podem te ajudar a se livrar de uma vez por todas do frizz no cabelo. Confira as principais causas e soluções para amenizar este problema

Texto Monique Garcia | Edição Isabela Leal | Foto Shutterstock | Adaptação Web Ana Paula Ferreira

Os fios eriçados podem ser domados se você conhecer as causas e souber tratar da maneira certa. Como a tendência aos arrepiados está relacionada à saúde dos fios, basta manter alguns cuidados para controlar a situação. 

A seguir, contamos quais são os principais vilões do frizz e as soluções para cada um deles:

1. O secador

O calor emitido por ele resseca a fibra capilar, removendo sua umidade.  Rafaeli Aguilheiro, cabeleireiro do salão Hugo Beauty, de Porto Alegre (RS), afirma que a eletricidade estática do cabelo é aumentada durante o processo de secagem. “Os átomos dos fios roubam elétrons uns dos outros, repelindo-os e provocando o efeito arrepiado, que aparece quando há desidratação das madeixas”, explica. “Mas não confunda o frizz com os fios mais curtos que estão espalhados pelo couro cabeludo. Eles são novos e ainda não atingiram o comprimento dos demais. Como são finos e leves, ficam eriçados”, observa Patrícia Maciel, terapeuta capilar, de São Paulo, (SP).


Solução

Depois do banho, nunca esfregue as madeixas na toalha, pois o atrito pode danificá-las. O ideal é amassá-las levemente. Escolha um secador que emita íons negativos, preservando a umidade natural dos fios, e espalhe um protetor térmico antes de ligar o aparelho. Além de blindar contra o calor do equipamento, ele reduz o tempo de secagem e a eletricidade estática do cabelo.

2. Dia chuvoso

A umidade é mais uma das causas das madeixas em pé. “Ela reage com ligações químicas do hidrogênio encontradas em cada fio, fazendo que eles fiquem desarrumados e, consequentemente, sujeitos a arrepiar”, esclarece Katia Pacheco Barbosa, diretora do salão Menta Pimenta (SP). Segundo Erick Omar,  existem ligações moleculares no cabelo que são responsáveis por dar forma a ele — daí as variações lisa, ondulada, crespa… “Durante a chuva,  as ligações mais fracas são rompidas,  o que aumenta a eletricidade estática, fazendo que alguns fios fiquem eriçados”, afirma o especialista.

Solução 

Invista em produtos que atuem diretamente contra a umidade, criando uma espécie de película que impede a água de penetrar nas madeixas. Para esses dias, prefira também penteados que não deixem os fios tão expostos, como tranças, coques e rabos de cavalo.  Assim, você varia o look e ainda poupa o cabelo de ser prejudicado por esse tipo de agressão.

Não acabou por aqui, não! Se você quer conferir outros vilões do frizz e as soluções para cada um deles, basta garantir a edição 342 da Corpo a Corpo! Então corra para a banca ou adquira a sua CORPO aqui → https://goo.gl/H2Pkis

 

O artigo Cabelo com frizz: principais causas e soluções para os fios arrepiados – em Tratamentos
foi originalmente publicado em http://corpoacorpo.uol.com.br/cabelos/cabelo/tratamentos/cabelo-com-frizz-principais-causas-e-solucoes-para-os-fios-arrepiados/11800

Deixe uma resposta