Brigadeiro entra na dieta? Veja se 7 derivados do chocolate estão liberados – em Dieta de emergência

Em pequenas quantidades, o chocolate amargo faz bem ao coração. Mas, e as demais e derivados como brigadeiro e achocolatados, estão liberados na dieta? Descubra!

Texto Vand Vieira e Giuliana Cury | Adaptação Ana Araujo



Brigadeiro entra na dieta? É preciso cuidado com os derivados do chocolate

Brigadeiro entra na dieta? É preciso cuidado com os derivados do chocolate

Foto: Imagefinder

Que em pequenas quantidades (­por volta de 100 g) o chocolate amargo e o chocolate ao leite fazem bem ao coração, você provavelmente já sabe, mas e as demais, também estão liberadas? E os derivados? A nutricionista Paula Castilho, de São Paulo, responde.

1. Brigadeiro

Sucesso nas festas infantis e para aqueles momentos em que bate uma vontade incontrolável de comer um docinho, é feito à base de leite condensado, o que eleva os níveis de açúcar no organismo e as chances de as artérias ficarem congestionadas. Dica: procure receitas alternativas, preparadas com batata-doce ou goma de tapioca (confira algumas receitas de brigadeiros fit aqui).

2. Chocolate branco

Produzido a partir da manteiga de cacau, não oferece nenhum benefício à saúde e esbanja gordura e açúcar.

3. Achocolatados

Fique de olho no rótulo e dê preferência aos produtos adoçados com estévia ou sucralose e alto teor de cacau. Melhor evitar fórmulas com maltodextrina (açúcar de rápida absorção) e ciclamato ou aspartame (adoçantes que estão na mira de estudos que associam seu consumo em longo prazo a doenças como câncer e Alzheimer).

4. Trufas

É uma boa opção se for feita somente com chocolate derretido e uma fruta como recheio. Hummm…

5. Chocolate diet

Na ausência do açúcar, a gordura (hidrogenada, muitas vezes) entra em cena. Vale ainda conferir se o ingrediente excluído da composição é mesmo o açúcar.

6. Chocolate light

No mínimo 25% menos calórico que as versões normais, é uma boa pedida para quem está de dieta. Sem exageros, hein?

7. Chocolate com castanha

As oleaginosas transferem suas calorias e benefícios às guloseimas, oferecendo uma dose extra de sabor e aquela mãozinha na redução do colesterol ruim que, no caso, só vêm para somar com a ação antioxidante dos flavonoides do cacau.

Revista Corpo a Corpo | Ed. 328

Assine já a CORPO e garanta 6 meses grátis de outro título

O artigo Brigadeiro entra na dieta? Veja se 7 derivados do chocolate estão liberados – em Dieta de emergência
foi originalmente publicado em http://corpoacorpo.uol.com.br/dieta/dieta/dieta-de-emergencia/brigadeiro-entra-na-dieta-veja-se-7-derivados-do-chocolate-estao-liberados/10287

Deixe uma resposta