Andar rápido ou correr na subida? – em Clube da Corrida

Por Karine César | Adaptação Kelly Miyazato



Nas subidas íngremes é necessário reduzir a velocidade da corrida
e ficar muito próximo à da caminhada
Foto: Shutterstock

Você já se perguntou: devo andar rápido ou correr na subida? Então, isso depende de algumas variáveis como inclinação, distância e nível de treinamento da pessoa. Para subidas muito íngremes, a velocidade da corrida vai ficar muito próxima à da caminhada, com o risco de sofrer um desgaste muscular maior. “Ao não caminhar — muitas vezes por vergonha —, o acúmulo de ácido lático pode prejudicar a corredora no plano”, diz Mario Sérgio Andrade Silva, diretor técnico da Run & Fun (SP). Se a ladeira for leve, mas longa (acima de 2 km), intercale os dois estímulos. Uma dica importante é ter o parâmetro de outras praticantes. “Se as mais condicionadas passarem a impressão de que estão ‘com o freio de mão puxado’, é sinal de que não será vantagem ser orgulhosa e subir correndo”, sugere o treinador.

Revista Corpo a Corpo | Conteúdo extra ed. 299

 

O artigo Andar rápido ou correr na subida? – em Clube da Corrida
foi originalmente publicado em http://corpoacorpo.uol.com.br/blogs/blogs/clube-da-corrida/andar-rapido-ou-correr-na-subida/4411

Deixe uma resposta