Globo se dá bem se servindo dos próprios exemplos

Veja, Globo se dá bem se servindo dos próprios exemplos confira também tudo o que acontece no BBB13.

  • Divulgação

    Patrícia Poeta, apresentadora do "É de Casa"

    Patrícia Poeta, apresentadora do “É de Casa”

Não existe e até agora ninguém teve o atrevimento de escrever um manual de como fazer televisão, ainda mais aqui no Brasil.

Na prática, como dizia Joelmir Beting, a teoria é sempre outra.

Mas aquilo que há muito tempo se tem como norma e maior das verdades, continua valendo perfeitamente para os dias atuais.

Televisão é hábito. É sempre apostar naquilo que foi cuidadosamente planejado.

A Globo, pelo volume da sua produção, tem erros como as suas concorrentes, mas um número muito maior de acertos. Lá se pratica televisão de verdade. O seu sucesso não é obra do acaso.

Olha o exemplo da Fátima Bernardes? O seu programa foi pensado durante seis meses, estreou, sofreu fortes críticas e hoje é primeiro lugar folgado, como um dos maiores faturamentos da casa.

A mesma coisa se deu com o “É de Casa”, nas manhãs de sábado. Tomou de tudo quanto é lado. Em verso e prosa foram escancaradas as suas primeiras derrotas para os desenhos do SBT.

E hoje, como estamos? Exemplos que existem, mas que só a Globo continua se valendo deles.

* Colaborou José Carlos Nery

Leia a coluna na íntegra.
 

O artigo Globo se dá bem se servindo dos próprios exemplos foi originalmente publicado em http://tvefamosos.uol.com.br/colunas/flavio-ricco/2016/04/28/globo-se-da-bem-se-servindo-dos-proprios-exemplos.htm

Deixe uma resposta